quarta-feira, 2 de janeiro de 2008

Ano de novidades

Ano de novidades


O ano de 2007 acabou. Várias coisas novas aconteceram comigo e sou muito grato a elas. Gosto de dizer que neste ano que passou, trouxe novas esperanças, mudanças para sempre na minha vida. Muitos livros foram lançados. Livros bons que eu gostei muito de ler. Falei um pouco mais sobre os meus livros, coisa que jamais faria se não fosse por causa deste blog, que eu faço com tanto carinho para você.

Decide fazer as atualizações no dia 2 de janeiro por causa do meu aniversário.Estou fazendo 17 anos e coisa boa é o que não faltará. Estou pensando em novas histórias, fugindo um pouco da fantasia, que há muito me prendia. Falarei mais sobre o Brasil do ano de 1808 e estou formando alguns personagens, ainda. O capítulo que postei um mês atrás foi uma das melhores coisas que eu já fiz. Gostei muito de poder ouvir a opinião sincera dos amigos. Foi o mês em que eu recebi o maior número de comentários.Fiquei realmente muito feliz.

Neste ano de 2008,como eu já disse, vou explorar coisas novas, e o mais importante: será a primeira vez que estarei enviando o meu original para uma editora. Para isso, estudei algumas editoras e li muito a respeito. Sei que é neste período que a gente sofre mais, mas é com os erros que nós aprendemos, não é mesmo? Só de escrever já fico um pouco ansioso, mas até lá, parte do meu original vai mudar muito. Farei cortes, acrescentarei coisas. Quando eu achar que já está perfeito para ele seguir rumo, será neste ponto que ficarei ainda mais nervoso.

Editoras que eu pretendo mandar o meu original:

Editora Rocco

Editora Martins Fontes

Editora Companhia das Letras

Neste mês gostaria de falar um pouco sobre Ariano Suassuna, grande escritor brasileiro.Você pode conferir o vídeo super divertido do autor ao lado.

Abaixo confira uma breve biografia:

"Ariano nasceu na então Cidade da Paraíba (Parahyba em ortografia arcaica), que hoje é a cidade de João Pessoa, num dia de Corpus Christi, o que acabou por ocasionar a parada de uma procissão que ocorrera no dia de seu nascimento na frente do palácio do governo do estado. Ariano viveu os primeiros anos de sua vida no Sítio Acauhan, no sertão do estado da Paraíba.

Aos três anos de idade (1930), Ariano passou por um dos momentos mais complicados de sua vida com o assassinato de seu pai, no Rio de Janeiro, por motivos políticos, durante a Revolução de 1930, o que obrigou sua mãe, Cássia Vilar Suassuna, a levar toda a família a morar na cidade de Taperoá, no Cariri paraibano.

Ainda em Taperoá, Ariano teve conhecimento da morte do seu pai, que ocorreu dentro da cadeia de eventos que sucederam e estavam ligados à morte de João Pessoa Cavalcanti de Albuquerque, e, como produto destes acontecimentos, sua família precisou fazer várias peregrinações para diferentes cidades, a fim de fugir das represálias dos grupos políticos opositores ao seu falecido pai.

De 1933 a 1937, Ariano residiu em Taperoá, onde "fez seus primeiros estudos e assistiu pela primeira vez a uma peça de mamulengos e a um desafio de viola, cujo caráter de “improvisação” seria uma das marcas registradas também da sua produção teatral."


Para saber mais visite o site oficial do autor.


Até o próximo mês!

2 comentários:

**\\*\*\Arethah M.S./*/*//** disse...

Realmente foi muito bom ler um de seus capitulos, deixou um gostinho de "quero mais". Fico contente em saber que já esta pronto para enviar seu original a uma editora, deve dar um frio na barriga só de penssar.
Desejo a você toda sorte do mundo que se criticas vierem sejam somente construtivas.
bjs.

Tohru disse...

adorei seu post, que bom que vai mandar seu original para a editora, espero que consiga e que tenha críticas construtivas para ele dar o que falar no mundo literário. Adorei a dica de como construir um personagem realmente são úteis e parece que " a menina que roubava livros" é legal. Que bom que quer se ampliar como escritor mas assumo que prefiro hisórias fantasiosas pois nos dão mais esperança mas também estou seguindo outro caminho mas quem sabe.

beijos e continue assim!

Postar um comentário